A arte do grafite é a nova atração cultural do Marco das Três Fronteiras

O Labirinto Cultural como foi batizado o ambiente, está aberto à visitação pública. Fazendo parte da missão de valorizar e fortalecer a cultura, o Marco das Três Fronteiras, construiu mais um espaço cultural dentro do atrativo, todo grafitado por artistas da Argentina, do Brasil e do Paraguai.

O ambiente reserva aos visitantes um passeio inspirador, imersivo, colorido e múltiplo. Os caminhos do labirinto, por meio de pinturas e espelhos, misturam referências dos povos primitivos dos três países e fazem uma viagem pela música, dança, arte, arquitetura, natureza e valores culturais das nações. Contando com o olhar e pintura dos grafiteiros Acme (Brasil), Eddy Graff (Paraguai) e Cees (Argentina). Todos são uma referência na técnica do grafite em seus países. A curadoria do projeto é do arquiteto João Uchôa, da Ciclo Arquitetura, escritório responsável, entre outros projetos, pelo Rock in Rio e Cidade do Samba, no Rio de Janeiro.

a-arte-do-grafite-e-a-nova-atracao-cultural-do-marco-das-tres-fronteiras-5b4f2a3bf2484

O Labirinto Cultural 3 Fronteiras é mais uma iniciativa do Marco das 3 Fronteiras com o objetivo de fortalecer o conceito de união entre os povos e de expansão de suas novas atrações, programadas para serem oferecidas aos visitantes durante o ano de 2018. Nas próximas semanas, o atrativo irá ganhar mais uma série de melhorias, entre elas sistema de iluminação artística, novo circuito de sonorização e novos ambientes culturais.   

 

Fonte: Portal da Cidade Foz

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>